quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Dos 20 aos 40......

imagem Google
Nada como uma noite entre dois dias........

Ontem comecei meu dia, muito deprimida, com muita coisa na cabeça, caraminholas que só me entristecem,  mas com o correr do dia, fui percebendo que não passava disso "caraminholas" sabe, esses pensamentos que tentam nos arrasar.

A tal historinha do copo meio cheio, meio vazio.... pra mim ele apenas esta na metade... simples assim.

E é sobre isso que quero falar, partilhar. Recebi muitas mensagens legais ontem em relação ao primeiro post e estava determinada em ficar no anonimato, sem que as pessoas soubessem que era eu quem escrevia, mas percebi que os meus fantasmas não são só meus e que posso falar abertamente sobre o que rola aqui nessa cabeça que as vezes não sabe pra que lado que gira.... e quer saber, se alguém não gostar do que vou falar, não importa, porque essa é a diferença de se ter 40, não ligo muito para  que lado o mundo tá girando, desde que eu esteja em pé e de braços abertos sentindo o vento que bate desse gira gira loko......

Ter 40 me fez perceber que nada na vida é pra sempre.....quando tinha 20 achava tudo definitivo, eu era daquelas que ou era 8 ou 80, e não aceitava nada diferente disso. Era muito intensa, sempre fui e ainda sou muito passional em tudo que fazia, se era pra amar... amava e pronto, se era pra odiar, odiava e nem adiantava pedir perdão...

Aos 40, aprendi que nada é definitivo e tudo tem um jeito diferente de ser, as pessoas não pensam e nem agem como eu, e por incrível que pareça diferentemente daquela menina de 20, entendo que cada pessoa tem seu ritmo próprio... 

Hoje aos 40, sou flexível.... entendo as diferenças e as aceito...

A vida não era simples aos 20, pelo menos não pra mim, tudo era intenso demais, tudo era novidade, eu tinha uma bomba relógio dentro de mim... que parecia que se eu parasse de me mover, de criar, de inovar... explodiria....

Eu ria de uma das minhas cunhadas que sofria com a chegada dos 30, que pra mim passou sem muito stress, mas quando estava com 38 o meu mundo parecia que ia desmoronar, afinal eu iria fazer 40 e não tinha realizado os meus projetos. Foram dois anos de tormentos emocionais, minha fase dos 30 vai render outro post...

Aos 40 me sinto mais centrada, sei o que quero, e sei o que posso, sei dos limites do meu corpo, sei das minhas paixões.. aos 40 apesar de não saber nada eu sei até onde posso ir...

Aos 20 era intensa, queria tudo e não sabia como fazer, quebrava a cara, me magoava, ria e chorava, brigava com o mundo e com a própria sombra por aquilo que acreditava, tudo era ou muito cheio ou muito vazio, lembra do lance do copo do inicio do post, e isso me consumia, porque o mundo não girava no meu ritmo.

Hoje aos 40, tenho uma intensidade mais ajustada, o mundo tá girando e eu encontrei o meu ritmo... penso e analiso as coisas com mais calma, se me desespero como ontem, a cabeça no travesseiro me dá tempo de analisar tudo melhor, até minhas orações estão diferentes, aprendi que não posso me precipitar e tenho agido com mais cautela.

De certa forma entendo que tudo é simples e quem complica tudo sou eu.....

imagem Google

Por isso se me perguntarem se o copo está meio cheio ou meio vazio, vou responder ... está no meio........e essa é a beleza de tudo, nada é definitivo, ainda posso tentar estudar e me especializar em alguma coisa, iniciar um novo projeto profissional, sou uma jovem de 40 anos pronta pra novas aventuras e tudo bem se elas forem calmas e tranquilas.

3 comentários:

  1. Ninguem quer ficar velho,o tempo passa e fazemos o possivel para segurá-lo.
    A verdade é que o tempo não pára e vê-lo passar faz bem !
    Ele pode ser sim um amigo que nos traz mais calma, serenidade ... para continuar a vê-lo passar. E sem correr dele, apenas conviver bem e assim ser melhor.

    ResponderExcluir
  2. Se a vida começa aos 0 eu tenho 10 anos de idade e pronta para entrar na adolescencia , agradecendo cada dia dessa jornada , fazendo o possível para fazer a felicidade acontecer. De uma olhada nesse Blog :
    http://somostodosenvelhecentes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Diz o ditado: "A vida começa aos 40."
    Você pode sim voltar a estudar, se especializar, fazer realidade os seus sonhos. Sou prova disso: voltei a estudar com quase 39 anos, completei o ensino médio, fiz o técnico em Logística em 2011 e estou a 1 ano fazendo o superior, Tecnólogo em Logística pela FATEC. Sempre amei estudar e corri atrás do meu sonho. Agora estou com 42 anos e digo: sempre vale a pena recomeçar. Boa sorte!!!

    ResponderExcluir

Se quiser conversar sobre o esse tema, deixe seu e-mail nos comentários ou cadastre seu e-mail em sua conta Google, para facilitar uma resposta....